Mega Análise #5 – Pidgeot

por Rafael de Carvalho M. de Souza, editado por Lucas Victor

Apresentação

“É um avião! Não, é um jato! Não, é um foguete! Que nada, é só um Pidgeot”. Bom, e foi assim, basicamente, o caminho de Pidgeot no decorrer das gerações. Mas pra quem é old school, como eu, admitamos, quase sempre usávamos ele nas primeiras gerações. Ora, vamos reconhecer, era um Pokemon útil no in game (Fly), de aparência chutadora de cus de tão magnífico e belo que é, do tipo voador (algo muito apreciado nas primeiras gerações em que Earthquake dominava os jogos), de ser muito carismático, além de ter uma aparência bela e formidável. Dava gosto usar um desses. Porém, a quem vamos enganar, Pidgeot (no fundo) nunca foi lá um grande pokemon. Nas duas primeiras gerações até dava um caldo, embora sofresse com a concorrência de Fearow (que batia melhor), Dodrio (que além disso ainda era mais rápido) e Crobat (que era infinitamente melhor que todas as opções citadas), dava pra usá-lo, mesmo que na brincadeira. Mas a partir da terceira geração com a entrada de pokemons melhores do tipo como Swellow (mais rápido e com mais ataque) e Altaria (defesas muito melhores, além de ser do temido tipo Dragão), Pidgeot foi completamente esquecido.
A quarta geração veio pra dar um pouco de gás a ele, com a entrada de golpes voadores como Brave Bird e Roost, era um pouco mais aceitável sua utilização. Mas ainda era digno de pena pois, diferente de outros do mesmo tipo, Pidgeot não aprendia golpes físicos que cobriam suas fraquezas, como o monstro que foi introduzido nessa geração, Staraptor, que já podia comer no café da manhã um dos pesadelos dos voadores como Tyranitar com Close Combat (olha que bagulho insano). “Puq fais içu, Gamefreak?”
“Ahh mas na terceira geração foram introduzidas habilidades e na quinta, olha só, vieram mais opções!” Tudo insanamente terrível, uma pobreza só pro Pidgeot! Nada prestava nele, suas três habilidades são muito ruinzinhas, sem utilidade seja no competitivo, seja no ingame.
Pobre Pidgeot.

Sua mais única utilidade até então era a ostentação da beleza:
Eles: “hahahaha ganhei de 6×0 e tu ainda usando aquele passarinho kkk”
Eu: “Pelo menos meu Pidgeot é belo e formidável, com mechas nórdicas(shiny)!” Aff…(mas ele shiny realmente é o Miss Universo Pokemon, na moral xD).

Mas aí eis que a sexta geração apareceu, XY saiu e nada, Omega Ruby & Alpha Saphire chegaram ee… PÁ!!!! O DEUS DOS CÉUS HAVIA RETORNADO EM SUA MAIS NOVA EVOLUÇÃO, MEGA! A Nintendo escolheu Pidgeot, dentre os novos 22 pokemons escolhidos, para ter uma mega evolução num grande retorno no cenário competitivo! Mas peraí… tem alguma coisa errada aí… O QUE É AQUILO??? ESPECIAL ATAQUE??? QUEM APOSTARIA QUE ELE VIRIA COMO ATACANTE ESPECIAL??? E deu certo! Sem contar sua fama recente como o salvador do Twitch plays pokémon. BIRD JESUS PIDGEOT STRIKES BACK (Não entendeu o lance do Jesus? Então veja aqui !!!!

Vamos analisar seus status normais:

Pidgeot

Seu movepool completo pode ser visto aqui

Habilidades:

Keen Eye (1): Exatidão do Pokemon não pode ser diminuída. Diminui taxa de encontros com pokémons selvagens.
Tangled Feet (2): Quando confuso, evasão aumenta.
Big Pecks (HA): A defesa do portador não pode ser reduzida.

De novo, “Puq fais içu, Gamefreak?” …

Vamos aos Prós e Contras:

PRÓS
-101 de base em velocidade é muito bom já que há muitos pokemons com base de 100. Pontinho crucial.
-Tem acesso a bons moves como Defog, Brave Bird e Refresh.
-Acesso a um golpe de recuperação de confiança, Roost.
-Pidgeot é belo e formidável!
-Possui um topete que faria Elvys Presley dizer: “Hmm, not bad!”

CONTRAS
-Possui um péssimo e limitadíssimo movepool.
-Como atacante físico, não possui nenhum acesso a golpes decentes de cobertura.
-Seus status são deprimentes(fora HP e Speed), defesas baixas e uma ofensiva precária.
-Suas habilidades são totalmente inúteis em, absolutamente, qualquer cenário (ao escrever isso quase chorei…).
-Fraqueza a SR faz Pidgeot chorar junto a mim.
-Oszinimigo entra em campo, cheios de recalque, já rindo.

SE NÃO FOR PRA ZOAR(because the zuera never ends), NUNCA O USE DESSA FORMA SEM SUA MEGA-EVOLUÇÃO!
É CILADA, BINO!!!!
Mas na hipótese de se zoar/brincar ou mesmo querer usá-lo sem mega evolução(really?),
existem dois sets “dignos”:

018pidgeot-mega018

MOVESETS

Full Power Attack

Item: Choice Band
Nature: Jolly
Habilidade: … tanto faz aqui.
EVs: 252ATK/252SPE/4DEF

-Brave Bird
-Return
-Steel Wing/U-Turn
-Quick Attack/U-Turn

Brave Bird e Return são golpes essenciais de stab e sem eles as opções são bastante limitadas, além dessas serem as melhores opções mesmo. Steel Wing serve para pegar os pokemons do tipo pedra e gelo, com baixo accuracy e dano mediano, mas ainda é a melhor opção pra coverage. U-Turn mantém a ofensiva auxiliando Pidgeot em uma troca favorável. E quick attack poder ser essencial pela prioridade e pelo ganho de stab. 252 garante ataque máximo para Pidgeot pois menos que isso e os danos  serão ridículos, 252 para speed, que é o único ponto bom dele, garante outspeed de pokemons de base 100 que são extremamente comuns em todo o meta.

Full Attack of Hue

Item: Toxic Orb
Nature: Jolly
Habilidade: … tanto faz aqui.
EVs: 252ATK/252SPE/4DEF

-Facade
-Quick Attack/U-Turn
-Protect
-Brave Bird/Roost/Toxic

Este set é inesperado mas para quem já usou (em outras gerações), como eu, sabe que pode
surpreender.
Protect garante o efeito do toxic orb fazendo com que seu principal move no set, Facade, dê um dano considerável com seu efeito ativado. Quick Attack ainda continua sendo uma boa opção pela prioridade e stab. Brave Bird é o segundo golpe de stab mais decente de Pidgeot.
Se preferir, Roost ainda é uma boa opção como recuperação confiável para esticar o tempo de vida em que Pidgeot atuará. Outra boa opção é Toxic visando algumas walls físicas.
A distribuição de evs segue a mesma do set anterior pelos mesmos motivos.

Agora vamos para seus status de mega evolução:

Pidgeot Mega

Wow, é uma grande mudança!

Habilidade:

No Guard: Todos os ataques usados quando este pokémon estiver em campo nunca falharão.

Eu.Não.Erro.
Eu.Não.Erro.

 

Vamos aos Prós e Contras:

PRÓS

-Seu ataque especial foi tunado a níveis poderosos, se tornando o terceiro melhor pokemon atacante do tipo voador em foco especial. (Perde apenas para Charizard Y e Tornadus-Therian Form [Excluindo God Rayquaza]).
-Sua velocidade altíssima lhe permite dar outspeed na maioria dos pokemons de sua tier (UU) e é o quinto pokemon mais rápido do tipo voador (Aerodactyl, Crobat, Ninjask e Noivern são os únicos mais rápidos).
-Acesso a um movimento de cura confiável, Roost.
-Acesso e domínio total do movimento do tipo voador especial mais poderoso: Hurricane.
-Hurricane pode agregar ao Hax (o tão odiado “jogo de sorte”) podendo fazer da confusão (30% de chance) uma ótima arma e uma dor de cabeça ao oponente.
-Devido a sua ofensiva poderosa com Hurricane, se torna um grande sweeper pois não existem muitas defesas para o tipo voador (apenas aço, pedra e elétrico).
-Acesso a Heat Wave lhe permite dar cobertura dos tipos aço e gelo.
-Sua grande velocidade, e acesso a U-Turn, lhe permite predizer e trocar rapidamente na frente de um counter.
-Apesar de ter um movepool limitado, possui opções que podem surpreender (como veremos).
-Usuário de No Guard que lhe permite 100% de acerto de qualquer movimento em qualquer alvo.
-Acesso a Defog para limpar o campo e Refresh para sempre mantê-lo saudável.
-Pidgeot não é muito versátil, mas é muito competente naquilo que se propõe.
-É lindo, belo e formidável.
-Seu topete invejaria até Elvis Presley e oszinimigo fica de recalque com sua beleza quando ele entra em campo, aqui já tremendo na base.

CONTRAS

-Apesar do aumento fenomenal em ataque especial, ele não é muito expressivo e você, talvez, possa preferir outros atacantes especiais que podem ter acesso a itens que o aumentam, como Life Orb e Choice Specs.
-Suas defesas ainda são baixíssimas não podendo encarar de frente ninguém que lhe dê golpes super efetivos que resistam, ao menos, a um ataque do pássaro (com raras exceções).
-Seu movepool ainda é muito limitado nunca tendo nenhuma cobertura para o tipo pedra (Por que não Focus Blast, GameFreak???).
-Seus ataques ofensivos não fugirão de Hurricane/Heat Wave/U-Turn e Hidden Power, facilmente de se prever.
-A habilidade No Guard pode ser uma faca de dois gumes, onde o usuário acerta qualquer golpe com 100% de efetividade, porém o alvo também tem sua efetividade nos golpes incrementada a 100%, sendo muito frágil a golpes como Stone Edge, Thunder e Blizzard, todos suas respectivas fraquezas.
-Mega Pidgeot treme na base pros do tipo pedra.
-Mega Pidgeot é facilmente “brecado” por barreiras especiais muito comuns como Blisseys e Chanseys.
-O Pássaro Jesus chora ao entrar no campo e ver aquelas pedras “maravilhosas” do SR.

MOVESETS

Focou? Então Manda Brasa!

Item: Pidgeotite
Nature: Timid
Habilidade: Tangled Feet
EVs: 252SPA/252SPE/4DEF

-Hurricane
-Heat Wave
-U-Turn
-Roost/Hidden Power (Grass/Earth)

Este é o set vida loka, pra quem ainda não sabe usá-lo vai se dar bem aqui porque não tem muito segredo. É só atacar e ser feliz. Hurricane garante um ataque com stab de vasto dano que ainda pode contar com a sorte de deixar o alvo confuso, totalmente obrigatório. Heat Wave para cobertura, principalmente, contra os tipos aço, mas também contra os tipos gelo. U-Turn lhe garante correr/cair fora na menor ameaça de que o oponente colocará uma wall ou counter ou qualquer diabos que você possa se sentir pressionado, mantendo a ofensiva e Pidgeot seguro. Por último Roost garante longevidade e vida próspera para Pidgeot, mas deve-se saber o momento certo de usá-lo. Hidden Power Grass é uma boa opção para pokemons desagradáveis como Rhyperior e Rotom-Wash defensivo, assim como Hidden Power Earth que cai bem contra Heatran. A distribuição de EVs segue a mesma premissa de um Pidgeot normal, porém inverte-se de ataque para especial ataque. Com o acréscimo de que 4 pontos efortados em defesa garantem que Pidgeot NÃO irá cair em quatro turnos sobre SR (1HP).

Kami no Senpuu!! (Furação de Deus)

Item: Pidgeotite
Nature: Timid
Habilidade: Tangle Feet
EVs: 252SPA/252SPE/4DEF

-Hurricane
-Heat Wave
-Hyper Beam/U-Turn
-Work Up

Este é um moveset para quem sabe utilizá-lo, portanto para quem o conhece bem. Também é meu set preferido. Como de praxe, Hurricane é um movimento obrigatório pelas já citadas tantas vantagens em se tê-lo e usá-lo. HW garante uma cobertura muito agradável para Pidgeot contra gelo e aço. Hyper Beam é outra ótima opção para causar um dano MACIÇO/DESGRAÇADO para quando Pidgeot não puder mais se manter em campo, situações em que você perceba que ele não poderá mais agir e deve cair levando o oponente junto, é uma ótima opção contra pokemons do tipo elétrico. U-Turn garante troca num momento necessário, mantendo a ofensiva. E finalmente Work Up. Depois de um boost, Pidgeot se torna uma máquina praticamente imparável (exceções daquelas gordinhas maravilhosas, Blissey e Chansey). Pokemons como Vaporeon, Florges e Tentacruel caem em 2 hits de Hurricane com auxílio de SR em campo, ambas paredes especiais. Vale ressaltar também o aumento no dano físico agregando um pouco mais ao U-Turn, porém deve-se tomar cuidado com usuários de Foul Play como Umbreon. Geralmente você pega o oponente de surpresa pois ele não espera um set com WU ofensivo. A distribuição de EVs segue a mesma premissa do Pidgeot anterior.

StallBreaker Prevenido

Item: Pidgeotite
Nature: Timid
Habilidade: Tangle Feet
EVs: 252SPA/252SPE/4DEF

-Hurricane
-Work Up
-Roost
-Refresh/Substitute

Este é um moveset curioso. O objetivo dele se assemelha ao set anterior, mas não dispõe de tanta versatilidade no momento da ofensiva, em contra partida garante longevidade e imunidade a enfermidades comuns como toxic e thunder wave. É mais aconselhável usar este set do que o anterior para quem não conhece tanto o Pássaro Jesus mas pretende usá-lo com buff. Hurricane é mamão com açúcar, é chover no molhado. Work Up aumenta o dano especial de Pidgeot a níveis monstruosos, mas sempre sabendo usá-lo na hora certa. Roost garante longevidade para que Pidgeot permaneça sweepando e/ou se recuperando de eventuais danos de Stealth Rock. Refresh mantém Pidgeot saudável sem nenhuma paralisação incômoda ou qualquer outros males que possam aparecer. Substitute é uma boa opção para ajudar Pidgeot a bufar em segurança e previne que Pidgeot seja alvo de revenge killers. A distribuição de EVs segue a mesma premissa do Pidgeot anterior.

Suporte Ofensivo Troll

Item: Pidgeotite
Nature: Timid/Modest
Habilidade: Tangle Feet
EVs: 252SPA/252SPE/4DEF

-Hurricane
-FeatherDance
-Roost
-U-Turn/Defog/Tailwind

Este moveset visa continuar mantendo a ofensividade de Pidgeot(como sempre) mas oferecer algum suporte para o time(ou para si próprio). Hurricane é mais do mesmo, figurinha carimbada em qualquer moveset dele. FeatherDance diminui pela metade o ataque físico de um alvo que pode ser a pedra no sapato de seu time. Combado com Roost, você pode acabar anulando completamente um atacante físico, ficando na dupla FeatherDance-Roost, até abrir uma brecha para você atacar com Hurricane. É importante que Pidgeot seja mais rápido que o atacante físico, pois se não for, mesmo reduzido pela metade, o segundo dano pode causar sua derrota já que Pidgeot não terá tempo para se recuperar. É indispensável o uso dos três primeiros movimentos para este set, sem nenhum deles, ele não dará certo. U-Turn garante que Pidgeot bata e saia de campo sempre mantendo a ofensiva. Defog surge como opção tanto para si quanto para todo seu time, limpando o campo, principalmente, daquelas pedrinhas maravilhosas do SR. Por último, TailWind vai garantir que Pidgeot dê outspeed no mais rápido dos scarfs do meta, bem como garantir aumento na velocidade para todo o time. Se optar por fazer um Pidgeot com a Nature Modest, Tailwind passa a ser, naturalmente, mais necessário. A distribuição de EVs segue a mesma premissa do Pidgeot anterior.

DOUBLES

Item: Pidgeotite
Nature: Timid/Modest
Habilidade: Tangle Feet
EVs: 252SPA/252SPE/4DEF

-Hurricane
-Heat Wave
-TailWind
-Protect

Sem segredos aqui. Hurricane(pq essa porra não ataca todo o campo?) e Heat Wave são golpes essenciais para se justificar algum motivo de usar Mega Pidgeot em doubles (na sinceridade). Tailwind garante que a velocidade de seu time dobre por quatro maravilhosos turnos. E protect é essencial, seja para obter a mega evolução de Pidgeot em segurança, seja para se proteger de qualquer tipo de ataque que o vise.

PARCERIA É O QUE HÁ (MELHORES PARCEIROS):

Pidgeot IDOLATRA removedores de hazards, como Latias, Excadrill, Starmie e Tentacruel, para que possa entrar com seu topete pomposo sem tomar 1/4 de dano em seu HP. Dugtrio de Focus Sash é um parceiro feito sob medida para Pidgeot, pois prende todos seus maiores problemas, como Tyranitar e Heatran, podendo derrubá-los. Mas usá-lo com cautela já que é muito vulnerável. Usuários de U-Turn e Volt Switch apreciam demais uma parceria com Pidgeot, como Diggersby e Galvantula, cobrindo sua fraqueza elétrica, este último ainda pode auxiliar, garantindo a supremacia na velocidade de Mega Pidgeot, com o maravilhoso Stick Web. Celebi também parece ser um parceiro ideal, já que além de cobrir ataques elétricos e botar para correr os tipo pedra, pode ser um ótimo passer de Nasty Plot ou Calm Mind, ou mesmo sujar o campo adversário com SR. E claro, Pidgeot se dá muito bem com stallbreakers físicos, como Machamp, Mienshao e Conkeldurr, botando pra correr as irmãs gordinhas Chansey e Blissey.

RECALQUE DOSZINIMIGO (PIORES INIMIGOS):

Oh puxa, eu falei tão pouco delas por aqui… Mega Pidgeot não SUPORTA a presença das sempre onipresentes Chansey e Blisseys.
Essas duas não precisam fazer nenhum esforço para anular completamente Mega Pidgeot, então dá-lhe U-Turn na cara delas!
Sem piedade! E o que dizer do Mega Aerodactyl… por que justo este ser estupidamente rápido teve que ganhar mega evolução?
Tem tantos outros pokemons pré-históricos, mas tinha que ser o mais rápido a ganhar. Nem em velocidade Mega Pidgeot tem chance, basta uma pedrinha pro Pidgeot se ferir gravemente, embora sempre válido lembrar Work Up torna as coisas um pouco mais equilibradas (também cai com 2 hits depois de um buff auxiliado de SR), no entanto evite este confronto. Rotom-Wash efortado em defesa especial é outro pokemon odiado por Mega Pidgeot. Você vai precisar de muitos Hurricanes para deitar este ser, que necessita de um Hydro Pump seguido de um Volt Switch pra levar nosso amado e belo pássaro pomposo do topete avassalador. Evitar este carinha, dar-lhe um U-Turn em sua face que é o que ele merece por atrapalhar os que nasceram para brilhar! Outro problema pode ser Mega Manectric, que além de mais rápido pode derrubá-lo num poderoso Thunderbolt STAB.

Deixe uma resposta